Instalações

DAMAS // 15 A 19-09-2021 // LISBOA
CICLO: OS CÂNONES EXISTEM PARA SEREM LIBERTADOS

Isto é meu corpo

Nesta instalação, o artista ROD conecta o universo popular das salas dos ex-votos e a estética dos talhos para criar um manifesto contra o genocídio dos corpos de pessoas negras ao redor do mundo. A obra usa materiais diversos para dar origem a formas corpóreas e invoca o luto e a perda de um corpo que foi destruído pelo sistema racial, do qual Portugal é um dos países centrais desse processo. É um corpo despedaçado pelo massacre. Um milagre quebrado em luta para conectar as partes de si que foram estilhaçadas pela violência colonial. Um corpo que podia viver mais, mas que pela força da brutalidade ainda serve como matéria para alimentar uma indústria do consumo do Outro, como se ele fosse a carne mais barata e mais disponível.

Ficha Técnica

Concepção: ROD
Montagem e Instalação: Raphael Soares e Dusty Whistles
Leitura e cânticos: Gisela Casimiro; Diego Cândido e Carolina Elis;
Fotos: Edoardo Brusco e Di Cândido 
Realização: Damas
Apoio: DgArtesFotografias: Edoardo Brusco; Diego Cândido
Agradecimentos: Camila Teles, Trabalhadores do Damas